7 Passos para ter o seu próprio Produto Digital – Parte 7

Chegamos ao fim desta série de 7 artigos, onde expliquei como  ter o seu próprio produto digital. Espero que, agora você esteja ansioso para começar o seu e-book.

Aja! Agora Mesmo!

Parabéns. Você decidiu agir!

Nós vamos terminar esta série de artigos, com algumas dicas que você vai achar úteis para usar em alguns setores importantes do seu e-book. Isto irá juntar todas as peças numa peça bonita (o seu e-book) que está pronto para ser publicado online.

Onde você está escrevendo o seu e-book?

7 Passos para ter o seu próprio Produto Digital - Parte 7

7 Passos para ter o seu próprio Produto Digital – Parte 7 – Onde você está escrevendo seu e-book?

Quando você está fisicamente escrevendo o seu e-book você estará a usar um programa de processamento de texto, como MS Word.

Uma sugestão, caso você não tenha o pacote MS Office instalado em seu computador, é utilizar o Libre Office, que é um conjunto de softwares grátis, que você poderá instalar em seu computador, apenas fazendo o download. Ele pode ser instalado em Windows, Linux e Mac.

Outra sugestão que eu não poderia deixar de citar, é o Google Drive, que não precisa de instalação. Basta acessar e efetuar o login com seu e-mail, e começar à usar. É muito fácil e intuitivo. A vantagem é que você não fica com os arquivos em seu computador, eles ficam armazenados nos servidores do Google, e você pode acessar de qualquer lugar com conexão à internet.

Formatação de textos

Você pode destacar as frases mais importantes ou palavras individuais para capturar imediatamente a atenção do leitor. Negritosublinhado e itálico têm todos os seus usos e melhoram muito a aparência das páginas a preto e branco.

Porém, não abuse, ou você vai perder o efeito sobre o seu leitor.

Apenas enfatize o que você quer que o seu leitor perceba no minuto em que a página é virada. Os gráficos são uma escolha pessoal que você pode considerar. Se um gráfico irá melhorar a sua apresentação da informação que ilustra, então use-os onde são é necessários.

Imagem é bom, mas não abuse!

As fotos também podem ser adicionadas, mas são realmente eficazes apenas se adicionar um pouco de compreensão ao seu conteúdo.

Por exemplo, uma imagem familiar das suas últimas férias ou um retrato do seu cão será um totalmente inútil num e-book sobre como se tornar um marketeiro na Internet. Isso irá realmente desviar o foco do seu leitor para longe da sua mensagem.

Não faça um carnaval em seu texto! Seja consciente nas cores!

Outra decisão que você tem que ter é se deve ou não usar uma fonte de cor no seu texto, nos títulos dos capítulos e subtítulos. Isto só tem a ver com os olhos do seu leitor.

Como você não sabe como o público vai estar a ler o seu e-book, é uma boa idéia ficar com texto preto num fundo branco. Se você não fizer isso, você pode eliminar os leitores mais velhos que não podem ler facilmente o texto numa tela que não tem muito contraste. Outros podem desejar imprimir o seu livro eletrônico para facilitar a leitura na sua poltrona favorita.

Eles podem não ser capazes de se dar ao luxo de imprimir 40-50 páginas de texto colorido. Realçar somente texto ocasional não irá causar quaisquer problemas.

O Espaçamento entre as linhas do texto é importante!

Considerando também os olhos do seu leitor, o espaçamento simples é difícil de ler na tela ou quando imprimir e tentar ler num local com menos iluminação. Uma boa solução é usar espaçamento 1,5, que é fácil para os olhos.

Use uma fonte simples que é fácil de ler … A seleção mais popular é Verdana ponto 12. Mas há muitos outras fontes tão adequadas e a escolha é sua.

Se você tem e-books no seu disco rígido, abra-os e veja que fonte e tamanho que eles possuem. Escolha uma que você gosta e use. Todas as melhorias, gráficos, opções de texto ou as cores nas letras
devem ser usadas somente se fizerem fazem algo para aumentar a  compreensão da sua mensagem, para melhorar a sua apresentação ou concentrar a atenção do leitor sobre um ponto importante. Não os use somente porque você gosta deles.

Um monte de autores de e-books colocam o título do e-book no cabeçalho, centrado e usando uma fonte bonita. Dá um aspecto profissional, se tiver um tamanho de fonte não maior do que o tamanho da fonte usada para o corpo do texto.

Se usar uma fonte grande e berrante no cabeçalho ou rodapé, o e-book vai começar a se assemelhar a um anúncio ou a uma página de vendas e colocar o seu leitor em defesa na primeira página. Bom gosto é a palavra-chave.

O rodapé é o lugar para colocar o número da página e um link para seu site, ebay ou para outros e-books que você está vendendo. Essas duas seções em branco em todas as páginas no seu e-book são locais ideais para a informação que você deseja gravar na mente do seu leitor.

Em ambas as seções, use uma cor neutra ou preto. Centralize o texto para que fique bem colocado e profissional.

Em qual formato devo distribuir meu e-book?

Uma das suas últimas decisões é escolher o formato que você irá usar no seu e-book.

Você pode optar por formatar o seu produto da informação como um arquivo executável (. Exe), para que ele possa ser lido on-line quando os seus leitores estão ligados à internet.

Alternativamente, e, de longe o formato mais popular de e-book é Adobe Portable Document Format (. PDF). Ele não é específico e pode ser lido por ambos os utilizadores PC e Apple / Mac.

Espero que você tenha gostado desta série de 7 artigos, onde expliquei como você pode criar o seu próprio produto digital, de forma relativamente simples. Caso você tenha alguma dúvida ou sugestão, basta deixar um comentário e responderei o mais breve possível!

Conclusão

Espero que esta série de 7 artigos tenha lhe passado as informações necessárias para que você deixe de postergar e inicie hoje mesmo o seu projeto na internet, desenvolvendo seu próprio infoproduto digital. Se você perdeu algum dos artigos anteriores, basta acessar abaixo.

Summary
Review Date
Reviewed Item
Post
Author Rating
51star1star1star1star1star

Descubra Como Vender Na Internet, Sem Blog, Sem Lista, Sem Vídeo e Sem Autoridade!

André Melo

Meu nome é André Melo, sou Desenvolvedor web e trabalho com internet marketing desde 2001.

Website: http://webempreendedor.net

1 Comentário

  1. Pingback: 7 Passos para ter o seu próprio Produto Digital - Parte 4 - Webempreendedor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *