Empreendendo com sabedoria – Dicas para não errar

Grande parte dos brasileiros que fazem parte do mercado de trabalho já pensou em começar o seu próprio negócio e se tornar seu próprio patrão. Seguindo esse pensamento e não por acaso, o Brasil é um dos países que mais abrem pequenas empresas. Porém, só de pensar em investir o capital salvo em um novo negócio que atribui riscos, pode ser um sentimento desafiador onde muitos perdem a coragem de começar o novo negócio.

O medo do cenário econômico crítico atual e a falta de preparo dos empreendedores, mais de 27% das micro empresas brasileiras fecham as portas antes do primeiro ano. Esses eventos de fracasso estão na falta de planejamento e do tempo de retorno do capital investido. A batalha é um dos pontos fundamentais para quem quer vencer no empreendedorismo.

Não há uma receita de bolo para que seu negócio alavanque o mais rápido possível. É necessário a busca de muito conhecimento e visão de negócios — quem identifica uma oportunidade na economia sai na frente e a determinação é o perfil diferencial do verdadeiro empreendedor.

Para você atingir o sucesso no seu empreendedorismo, trazemos algumas dicas sábias de economia e negociação que podem dar muito certo.

Conhecendo a si mesmo a o nicho de mercado

Uma das questões chaves ao iniciar um novo negócio é perguntar a si mesmo “O que eu sei fazer?”. O primeiro passo é conhecer a si mesmo para estruturar uma boa empresa e ter ciência das funções que irá exercer ao se tornar o dono desta empresa. É necessário que o empreendedor possua competências importantes e que tenha vontade de buscar conhecimento ao buscar a preparação ideal para o negócio.

Trabalhando a gestão

Buscar a leitura de livros sobre conhecimento e gestão, sites, publicações sobre gestão e como gerenciar seu novo negócio é essencial para saber o rumo que sua empresa deverá tomar. Além disso, informações valiosas como financeiro, fluxo de caixa, capital de giro e como empregá-los, é uma importante capacitação a respeito do tema da administração.

Pesquisa de mercado e viabilização do negócio

Com a ideia já pronta e preparada para colocar em prática, é necessário uma análise mais aprofundada de mercado, como as fraquezas e as forças do empreendimento, e os pontos fortes e os pontos fracos. Avaliar a viabilidade do negócio e a análise da concorrência é um ponto dominante e que fará o empresário ter certeza se deve ou não começar a investir no negócio. O importante é manter a mente sempre aberta para aceitar ideias e sugestões de quem vê de fora.

Qualidade é melhor que quantidade

Se a área for de produtos, é necessário que o empresário tenha em mente que a qualidade é muito melhor que a quantidade — afinal, seu produto irá ser conhecido e vendido pela boa qualidade, e com isso, as vendas poderão aumentar gradativamente. Essa será a porta de entrada de seu empreendedorismo nos novos negócios. Caso o nicho seja de serviços, procure realizar o melhor atendimento, buscando diferenciais nunca vistos no mercado.

Informação é tudo

Uma ideia promissora não é a mesma se você não estiver bem informado. Por isso, procure a maior quantidade de informações possíveis, tanto de conhecimento pessoal, quanto do mercado. A observação se torna a aliada principal do novo empreendedor para não desistir do negócio e buscar exemplos parecidos no mercado, buscando se espelhar para atingir os melhores resultados.

Este é um guest-post. Visite o site Franquia WSI e veja mais oportunidades.

Summary
Review Date
Reviewed Item
Post
Author Rating
31star1star1stargraygray

Descubra Como Vender Na Internet, Sem Blog, Sem Lista, Sem Vídeo e Sem Autoridade!

André Melo

Meu nome é André Melo, sou Desenvolvedor web e trabalho com internet marketing desde 2001.

Website: https://webempreendedor.net

2 Comentários

  1. Oi André

    Eu gostei muito do artigo, parabéns realmente está muito completo.

    Eu só gostaria de adicionar um item:

    Conheça o seu público alvo

    Essa é uma das partes mais importantes no desenvolvimento de seus projetos, sejam eles online ou offline, pois com esse conhecimento você vai conseguir atrai-los e atingi-los de uma maneira mais eficaz.

    Por exemplo o meu site tem dois públicos alvo:

    Pessoas que querem montar um negócio online de sucesso.
    Pessoas que já tem um negócio online e querem melhorá-lo, aumentando a receita mensal.

    Parabéns pelo artigo!

    • Olá, Thiago. Obrigado pela visita!

      A dica do público-alvo também é importante, pois podemos direcionar melhor nosso conteúdo.

      Obrigado! Abraço e sucesso!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *